Você lembra a passagem de Keirrison pelo Santos?

Keirrison é um dos casos mais notórios no futebol mundial do “jogador que nunca atingiu seu potencial”. Em seu começo no Coritiba, o atacante assumiu um grau de protagonismo que era quase certo que se tornaria uma estrela no futuro. Sua habilidade o levou para o que na época, era o maior e melhor clube do mundo, o Barcelona. No entanto, foi a partir daí que sua carreira degringolou. Em uma das tentativas de recuperar seu futebol, Keirrison foi emprestado para o Santos.

O atacante chegou no alvinegro praiano em julho de 2010, ainda proveniente do Barcelona. Na época, o atleta tinha 22 anos, e já havia sido emprestado para Benfica, de Portugal, e Fiorentina, da Itália. Keirrison não foi recebido na Vila Belmiro com muitas expectativas, ainda mais pelo fato de que o Peixe tinha um elenco competitivo na época.

Sua estreia aconteceu contra o Atlético Mineiro, no Campeonato Brasileiro de 2010. Seu primeiro gol com a camisa alvinegra foi no dia 12 de setembro de 2010, em partida contra o Ceará. Keirrison entrou no segundo tempo do confronto e marcou o gol da vitória do Peixe, que acabou vencendo por 2 a 1.

Em sua primeira partida como titular da equipe, o atacante atuou durante todos os 90 minutos e anotou um gol, no que foi uma vitória contra o Avaí por 3 a 2. Depois desta atuação, Keirrison engatou uma boa sequência entre os titulares do Peixe. Após sua passagem por Coritiba e Palmeiras, é possível afirmar que o Santos foi a equipe em que o jogador melhor desempenhou.

No total, foram 31 jogos com a camisa do alvinegro praiano, com 10 gols anotados e três assistências distribuidas. Seu melhor momento no clube foi durante o Campeonato Paulista de 2011, onde anotou seis gols em 14 partidas. Ele esteve presente no elenco Campeão da Libertadores daquele ano, mesmo tendo jogado apenas nas partidas da fase de grupos.

O Peixe não renovou o empréstimo do atacante, que acabou indo para o Cruzeiro na sequência. Keirrison ainda teve passagens por Arouca, de Portugal, um retorno ao Coritiba e Londrina. Hoje, aos 33 anos, o atleta está no Palm Beach Stars, um time semi-profissional dos Estados Unidos.