Valor é revelado e dívida do Santos com Rueda faz o torcedor santista cair da cadeira

Além da situação ruim no Campeonato Brasileiro, o Santos também vive momento delicado em relação às suas finanças. Em entrevista para a Rádio Bandeirantes, o presidente Andrés Rueda revelou que o clube tem uma dívida de R$ 66 milhões com ele e com o funding criado para socorrer o alvinegro.

“O Santos estava com o transferban, não podia registrar jogador e a próxima punição seria perder seis pontos no Campeonato Brasileiro, O ex-presidente Orlando Rollo me pediu e ajudei o clube. O clube ainda não me devolveu o dinheiro. Na época foi R$ 16 milhões” contou Rueda.

O presidente também afirmou que ainda não recebeu um centavo sobre o empréstimo feito em para quitar a dívida com o Hamburgo, referente a contratação do zagueiro Cléber Reis. Rueda ainda explicou como funciona o funding e destacou a importância dos empréstimos para o bom funcionamento do clube.

“Pessoal confunde esse empréstimo (Cléber Reis) com o Funding. O Santos não tem crédito na praça. Se o Santos pedir R$ 3 milhões o sistema financeiro não empresta. O Funding nada mais é do que o Santos pegar empréstimo com o sistema financeiro e torcedores do Santos serem avalistas. Está em torno de R$ 50 milhões. São recursos que o Santos precisava para acertar o fluxo de caixa”, explicou o mandatário do Peixe.

“A receita no futebol é menor que a despesa. Todos os presidentes que passam pelo Santos sabem que vão terminar o ano com um déficit de R$ 100 milhões. Isso equilibra com a venda de jogador e o Santos passou dois anos sem vender jogador. Isso está errado no futebol e tem de mudar”, concluiu.

Próximos jogos do Santos

Qui, 14/09 – Santos x Cruzeiro – Vila Belmiro

Seg, 18/9 – BahiaSantos – Arena Fonte Nova

Sáb, 30/9 – Santos x Vasco da Gama – Vila Belmiro

Sáb, 07/10 – PalmeirasSantos – Allianz Parque

Qua, 18/10 – Santos x Red Bull Bragantino – Vila Belmiro