Situação preocupante! Craque do Santos pode ficar fora do Brasileirão

Problemas se acumulam para o Santos na reta final do Campeonato Brasileiro. A mais nova dor de cabeça do Peixe envolve um dos seus principais atletas, o volante Tomás Rincón. Após sentir desconforto muscular durante um empate sem gols entre a Venezuela e o Equador, pelas eliminatórias da Copa do Mundo, Rincón teve que antecipar seu retorno ao Brasil para ser avaliado pela equipe médica do Santos.

A apresentação do jogador no CT Rei Pelé, está marcada para esta segunda-feira. Há uma grande expectativa quanto ao diagnóstico, visto que ainda não foi divulgada pela Venezuela qual foi a natureza exata do desconforto sentido por Rincón. Como consequência direta deste possível problema de saúde, o volante não poderá defender seu país no jogo contra o Peru, que acontece na terça-feira, às 23h, horário de Brasília.

Qual a importância de Rincón para o Santos na temporada?

Para além da preocupação com a saúde do atleta, o Santos encara agora o desafio de lidar com a possível ausência de Rincón na reta final do Brasileirão. O volante, que também é o capitão do time, é considerado uma peça fundamental na estratégia do Peixe para evitar o rebaixamento à Série B.

Contratado no meio do ano, durante a janela de transferências, o experiente Rincón rapidamente se tornou titular absoluto do Santos. Até o momento, o volante já vestiu a camisa do alvinegro praiano em 14 partidas, balançando as redes em duas ocasiões.

Como o Santos se prepara para a reta final do Brasileirão?

Enquanto espera o diagnóstico médico sobre a condição física de Rincón, o Santos já está se movimentando para lidar com a reta final do Brasileirão. O técnico Marcelo Fernandes, por exemplo, pretende voltar ao estilo de jogo que fez a equipe ter melhores atuações recentemente, mas depende do retorno do lateral-esquerdo, que tem sido improvisado na zaga.

O clube também já encerrou o prazo para inscrições para as eleições presidenciais, que ocorrerão no dia 9 de dezembro. Como forma de motivar o elenco na missão contra a queda à Série B, a diretoria do Peixe levou personalidades como o rapper Mano Brown, santista e vocalista dos Racionais, para conversar com os atletas.

Com a possível ausência de Rincón, os próximos jogos serão decisivos para o Santos. A equipe precisa mostrar força e superação para escapar do rebaixamento e seguir na elite do futebol brasileiro em 2024.