Santos não vai deixar seus destaques irem para a seleção brasileira

Após declaração dada pelo presidente Andres Rueda nesta semana, o Santos deve vetar a ida de suas “joias” Ângelo e Marcos Leonardo para a seleção brasileira sub-20. O movimento do clube alvinegro surgiu após o pedido de liberação do Palmeiras por Endrick.

“Se alguém for liberado o Santos não libera os seus jogadores. Queremos isonomia da CBF”, afirmou o presidente santista. O pedido acontece pelo fato de que ambos os atletas foram convocados para o Torneio Sul-Americano Conmebol 2023, que acontece entre janeiro e fevereiro.

Seriam até oito rodadas perdidas em caso os dois atletas no caso de não-liberação dos atletas da seleção sub-20. Rueda chegou a afirmar que está disposto a encarar uma possível punição para conseguir igualdade na CBF.

Conheça o centroavante do Santos que marcou 35 gols no ano pela base

É muito raro que a base do Santos tenha uma geração sequer sem uma verdadeira “joia”. Para o ano de 2023, o torcedor do Peixe tem um nome extremamente promissor nas categorias de base para ficar de olho; trata-se de Deivid Washington, de 17 anos. Deivid integra a categoria sub-17 desde 2021, e chegou a ser testado no sub-20 neste ano.

Centroavante, ele liderou a equipe no Campeonato Paulista e foi o artilheiro do estadual, com 19 gols na campanha que parou na semifinal. No Brasileirão da categoria, ele foi o vice goleador, com dez gols. Assim como no Paulista, o clube parou na semifinal.

Deivid tem contrato com o time até junho de 2024 e uma multa rescisória no valor de R$ 100 milhões. Nascido em Goiás em junho de 2005, Deivid estreou pelo Peixe quando tinha 11 anos, na temporada 2016. Atacante, o jovem atleta se destaca por sua técnica, força física, habilidade nas finalizações e capacidade de leitura de jogo.

Deivid ainda não teve oportunidade de integrar o elenco profissional do Peixe, mas a expectativa é de que em 2023, exista uma possibilidade dele ser testado por Odair Hellmann.