Santos não pensa duas vezes e promove faxina no elenco

O técnico Paulo Turra, do Santos, não está perdendo tempo e vem promovendo uma faxina no elenco do Peixe. O novo treinador já afastou seis atletas do grupo e a quantidade pode aumentar ainda mais. A maioria dos casos foram justificados pela indisciplina.

Os atletas afastados por Paulo Turra foram: Lucas Pires, Nathan, Soteldo, Ivonei, Ed Carlos e Daniel Ruiz. De acordo com o portal “ge”, mais cortes podem vir pela frente. O Peixe vive má fase na temporada e um chacoalho no elenco é uma boa para tentar mudar os ânimos.

Dos afastados até o momento, os laterais Lucas Pires e Nathan tiveram seus afastamentos definidos após serem flagrados em uma balada por torcedores. Os dois foram intimidados e questionados quanto à fase do time.

Soteldo, por sua vez, passou a treinar separado do elenco após a partida contra o Blooming, pela Copa Sul-Americana. Depois do confronto, ele teria se recusado a fazer uma sessão de treinamento nos vestiários, algo que desagradou Paulo Turra.

Ivonei, Ed Carlos e Daniel Ruiz foram afastadas por questões técnicas avaliadas pelo novo técnico. Com a abertura da janela de transferências, o Santos deve negociar os jogadores afastados.

STJD bate o martelo e Santos pode se dar muito mal

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) marcou a data do julgamento das ‘confusões’ que aconteceram no clássico entre Santos e Corinthians, na Vila Belmiro, para a próxima sexta-feira (7). As informações são do portal Terra.

O Peixe foi enquadrado no artigo 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que prevê punições como a perda de dez mandos de campo. Além disso, o Peixe pode receber multa de R$ 10 mil a R$ 100 mil.