Santos fará apenas 13 jogos fora de São Paulo em 2024

A temporada 2024 promete ser uma experiência nova para o Santos. Este ano, pela primeira vez em mais de um século de história, o Peixe irá disputar a Série B do Campeonato Brasileiro. Além disso, o time também não conseguiu a classificação para a Copa do Brasil. Tal cenário resulta em um ano atípico para o clube, especialmente no que se refere às viagens.

O impacto das competições no calendário do Santos

Ao longo de 2024, o Santos irá fazer apenas 13 jogos fora do estado de São Paulo. Essa situação incomum surge por duas razões. A primeira é a falta de competições no formato de copa no calendário do time. A segunda é a elevada presença de clubes paulistas na Segunda Divisão Nacional: são sete, no total.

Entre os times do estado de São Paulo que estão na Série B, além do Santos, estão Ituano, Grêmio Novorizontino, Mirassol, Ponte Preta, Guarani e Botafogo-SP.

Em comparação com as temporadas anteriores, houve uma redução significativa no número de viagens interestaduais. No último ano, foram 20 deslocamentos para fora do estado. Em 2021, o Santos fez 25 viagens considerando a disputa da Copa Sul-Americana, Brasileirão e Copa do Brasil.

Na prática, o número reduzido de viagens pode ser benéfico para a preparação do time. Há mais tempo para descanso e treinamento sob o comando do técnico Fábio Carille. Vale lembrar, ainda, que o calendário apertado será algo que o Santos não terá para se queixar neste ano. No máximo, serão disputadas 54 partidas.

Na segunda metade do ano, com a Série B já em curso, o Santos precisará fazer cinco grandes deslocamentos para Recife, Fortaleza, Maceió, todas no Nordeste, além de Manaus e Belém, na região Norte. Porém, as viagens restantes são consideradas curtas e não devem causar grande desgaste ao elenco.