Pelé quase foi jogar no Bangu

Pelé, o Rei do Futebol, começou sua belíssima trajetória pelo Santos Futebol Clube, lugar onde escreveu a maior parte de sua história. No entanto, por muito pouco o Rei não foi parar em outro clube. Quando ainda atuava no juvenil do Bauru Atlético Clube, o jovem camisa 10 foi visado por um time do Rio de Janeiro.

A história veio à tona em 1967, quando Pelé, com 26 anos de idade, deu uma entrevista ao acervo do Museu da Imagem e do Som. Durante a conversa, o Rei deixa transparecer que o Bangu tinha fortes e reais intenções de tê-lo como seu jogador.

“O Tim (treinador do Bangu na época) foi lá, conversar com o Waldemar de Brito; foram falar com meu pai para me trazer para o Bangu. Eu era o mais novo e o meu pai não queria deixar. Acabei não vindo mesmo.”, disse o Rei.

A entrevista também ficou famoso pelo fato de Pelé se declarar vascaíno, mesmo na época em que era ídolo máximo do Peixe,”minha família falava muito do Flamengo… gostava do Flamengo na infância, mas meu time de coração mesmo era o Vasco”, afirmou Pelé.

Relembre a trajetória de Pelé no Santos

Pelé chegou no “Peixe” em 1956 e deixou o clube apenas em 1974, completando 18 anos com a camisa da equipe. O Rei conquistou 45 títulos em 1.116 partidas com o manto alvinegro. No total, o Atleta do Século possui 59 títulos em seu currículo, contando sua passagem pelo Santos, Seleção Brasileira e New York Cosmos.