Odair queima a largada e anuncia contratação do Santos em entrevista

Na noite desta quarta-feira (8), durante coletiva de imprensa, o técnico Odair Hellmann revelou que o volante Alison está de volta ao Peixe. A declaração foi logo após a vitória do Santos por 1 a 0 sobre o Água Santa, com gol de Marcos Leonardo, na Vila Belmiro.

O Menino da Vila, que se profissionalizou no clube em 2013, estava sem clube após se despedir do Al Hazem, da Arábia Saudita. O volante, assim como o companheiro Lucas Lima, assinou um contrato de produtividade, com validade até o final desta temporada, com metas já estabelecidas entre ambas as partes. 

Caso cumpra os objetivos propostos, seu vínculo será renovado automaticamente por mais um ano. O jogador rompeu o ligamento cruzado em março de 2022, quando já havia acertado os termos para voltar à Vila Belmiro. Todavia, não se se recuperou completamente e passou um período em tratamento no CT Rei Pelé.

O atleta decidiu abandonar o clube árabe no início da última temporada, visto que não havia pagado (o clube) algumas parcelas do acordo prometido ao Santos. 

Competição pela titularidade

Com o acerto já confirmado por Odair Hellmann, o Peixe espera anunciar a volta de Alison nas próximas horas. A diretoria do clube, comandada pelo presidente Andres Rueda, enxerga com bons olhos o retorno do antigo capitão, por ser experiente, ter liderança além de claro, ser bom tecnicamente. Ele chega para disputar a posição de titular com Rodrigo Fernández, conforme publicado pelo Globo Esporte. 

Alison chegou ao Santos em 2005, com apenas 11 anos, e passou por todas as categorias de base. Somando tudo, atuou em 265 jogos pelo Peixe,  marcando quatro gols. 

O plantel do Santos conta com outros seis atletas que podem compor o meio-campo Alvinegro: Camacho, Rodrigo Fernández, Sandry, Vinicius Balieiro, Dodi e Zanocelo. Todavia, com o alto número de lesionados, o clube partiu para a busca de mais um reforço para o setor, que cumpra um papel mais defensivo. , o excesso de lesões de meio-campistas fez com que o clube avaliasse a necessidade de ter mais