Novo dono? Rival fecha acordo e mandará na Vila Belmiro

No início da noite desta segunda-feira (30), o GE trouxe uma informação confirmando que São Paulo e Santos entraram em um acordo e o Tricolor mandará o primeiro jogo na Vila Belmiro, casa santista, no próximo dia 8 de novembro, diante do Red Bull Bragantino.

O clube do Morumbi não vai poder contar com seu estádio na trigésima terceira rodada do Campeonato Brasileiro porque vai receber alguns shows internacionais. No mesmo dia 8, a banda Red Hot Chili Peppers se apresentará, seguido do grupo RBD, o fenômeno mexicano.

Diante dessa situação, o presidente do rival, Julio Casares conseguiu acertar com o Santos o ‘empréstimo’ da Vila Belmiro. O acordo consiste em uma liberação de ambas as partes. O Peixe planeja iniciar uma reforma em sua casa em 2024, e vai poder escolher uma data específica para utilizar o Cícero Pompeu de Toledo.

São Paulo e o terror das lesões no Allianz Parque

No Campeonato Paulista desta temporada, Casares e Leila Pereira acordaram o empréstimo do Allianz Parque para o São Paulo. Naquela ocasião, Galoppo sofreu uma grave lesão. No último Choque-Rei, Lucas Moura também se machucou, o que fez a direção repensar o uso da casa alviverde, que contém o gramado sintético.

Não é a primeira vez que o Tricolor perde um jogador por lesão no estádio palmeirense. Miranda (joelho), Galoppo (ligamento), Ferraresi (ligamento) e Gabriel Neves (fraturou costela) já passaram por problemas físicos. Importante lembrar que vários atletas e treinadores de outros clubes já criticaram o complicado gramado sintético da arena do rival.