Jogador de Série B apagou todas as suas histórias no Santos e se declara para rubro-negro

A torcida do Santos já viu muitos jogadores saindo pela porta dos fundos do clube, o lateral-esquerdo, Zeca, foi um dos atletas que processou a equipe para conseguir ter seu contrato rescindido, entretanto, a continuação da carreira do jogador não foi das melhores.

Campeão olímpico pelo Brasil em 2016, Zeca saiu do Santos em 2018 e desde então passou por clubes como Internacional, Vasco e Bahia, mas sem o brilho e as atuações que teve na Vila Belmiro. Hoje, Zeca é titular e capitão do Vitória, líder da Série B do Campeonato Brasileiro.

“Penso diariamente. É uma fase da minha vida diferente do que vivi. Perguntaram que importância teria desse título para mim, já que ganhei as Olimpíadas. São fases diferentes. Já joguei em vários outros clubes e não tive a mesma alegria que tenho jogando no Vitória. Desde que subi da base do Santos, jogando no Santos, eu tive um carinho, respeito e alegria de jogar futebol. Isso eu estou tendo aqui, reencontrei minha alegria de jogar futebol aqui no Vitória’, disse o jogador. 

Zeca reencontrou o seu futebol jogando pelo Vitória

Zeca chegou a jogar no Estados Unidos, mas foi no Vitória que o jogador reencontrou o seu melhor futebol, o time rubro-negro tem 99,9% de chance de subir para a primeira divisão e o lateral não esconde a ansiedade pela vaga e pelo título.

“Eu penso diariamente em fazer história aqui. Se a gente coroar com esse título, vai ser uma coisa inexplicável. Não vou conseguir falar nem com os meus filhos, que eu não tenho ainda. Passei por muita coisa na minha vida. Muita coisa familiar aconteceu.Vai ser tão importante quanto aquele título das Olimpíadas, vai marcar a minha vida”

O Vitória enfrenta o Vila Nova, em casa, no próximo domingo (05), uma vitória pode levar o time de volta à Série A do Brasileirão, para isso, o rubro-negro precisa torcer para que Juventude e Criciuma não vençam seus jogos ou que o Sport seja derrotado.