Gallo bate o martelo e crava destino de Marcos Leonardo

Novo coordenador técnico do Santos, Alexandre Gallo se pronunciou sobre a situação do atacante Marcos Leonardo no clube. Alvo de interesse da Roma, da Itália, o jogador vem demonstrando insatisfação com a diretoria devido a não liberação para o time europeu.

“Nas condições que está, não fará (o negócio). O Santos é um dos grandes vendedores do mundo, neste momento só se estiver com uma situaçao financeira confortável, o presidente não está se sentindo confortável. A janela está fechada, foi um timing errado. Sei da vontade do atleta de jogar na Europa, mas existem momentos e momentos. O momento é pensar no Santos. Pode até acontecer a negociação, mas que ele saia na próxima janela, não nessa”, disse.

O jogador, inclusive, não vem treinando com o grupo no CT Rei Pelé e comunicou, nesta quinta-feira, 10, que não jogará mais pelo clube. O comunicado foi feito através do seu staff.

A Roma voltou a conversar com representantes do jovem após ter desistido do negócio. O clube italiano perdeu a disputa com a Fiorentina pelo também atacante Lucas Beltrán, do River Plate.

Com isso, o time da capital da Itália voltou a tentar a compra de Marcos Leonardo. O Santos, por sua vez, dificulta o negócio, postura essa que vem desagradando o jogador e seus representantes. O camisa 9 eixou claro o desejo de atuar no futebol europeu ainda nesta temporada. Apesar de ter prometido negociá-lo nesta janela, o presidente Andrés Rueda vem tentando convencer o jovem a permanecer na Vila.

Nesta semana, inclusive, a diretoria apresentou uma proposta oficial de renovação para o atacante de 20 anos. Caso aceite a oferta, Marcos teria um aumento salarial de 100%, ou seja, o dobro do que ele ganha atualmente, além de outros valores em luvas.