É exatamente isso que o Santos precisa para não ser rebaixado

As vitórias do Santos voltaram a aparecer depois que o técnico Marcelo Fernandes assumiu a equipe, foram nove pontos em nove possíveis e, apesar da distância para o Z-4 ainda ser de apenas três pontos, a torcida santista já começa a olhar para cima e não para baixo.

Entretanto, o professor prega exatamente o contrário, segundo Marcelo, o Santos deve ficar com os pés no chão.

“A gente aqui é bem pé no chão, não se empolga com absolutamente nada. Principalmente eu e minha comissão. A gente tem um campeonato com um Plano A, não tem Plano B. Estamos bem cientes disso. É sair lá de baixo, da zona ruim, para deixar o Santos no seu devido lugar”, disse ‘MF’ ao programa Arena SBT.

Marcelo Fernandes cobra os jogadores do Santos sobre postura nas rodadas finais do Brasileirão

A fala do treinador não parece ser da boca para fora, jogadores como João Paulo e Jean Lucas já repetiram a postura do técnico e pregam pés no chão.

“A gente não conquistou nada. Temos de colocar os pés no chão, dar um passo de cada vez e manter o que estamos fazendo para sair dessa situação”, comentou Jean Lucas à ESPN.

O Santos ocupa a 15ª posição no Brasileirão, antes de Marcelo Fernandes assumir o time, a equipe da Vila Belmiro havia vencido apenas dois jogos nos últimos 22 compromissos, contando Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Copa Sul-Americana. Os técnicos eram Odair Hellmann, Paulo Turra e Diego Aguirre, os últimos dois não atingiram nem 10 partidas no comando do Clube. 

O próximo confronto do time santista será amanhã (19) contra o Red Bull Bragantino, vice-líder do Brasileirão, em caso de vitória, o Alvinegro Praiano pode até mesmo entrar na zona de classificação para a Copa Sul-Americana, mas em caso de derrota, o time da Vila Belmiro corre risco de retornar à zona de rebaixamento.