Diego Aguirre não encontra saídas e encerra ciclo no Santos

Jogando na Vila Belmiro lotada, o Santos teve mais uma atuação ruim na temporada e foi superado por 3 a 0 pelo Cruzeiro. Com o resultado, o Peixe continua na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, agora com quatro pontos de desvantagem em relação ao primeiro time fora do Z4.

Além da péssima situação na tabela, o time comandado por Diego Aguirre ainda terminou com a sequência invicta do Santos sobre o adversário, na Vila Belmiro. Antes da derrota da última quinta-feira, o Peixe estava há cinco anos sem perder para a Raposa em casa.

Após o jogo, o técnico uruguaio lamentou o resultado e fez questão de assumir a culpa pela situação do clube no momento, mas frisou que outros membros da equipe também precisam reconhecer a responsabilidade.

“Não sei um adjetivo para falar da derrota de hoje, mas a responsabilidade obviamente é da comissão técnica, dos jogadores e de todos. Não tem um único culpado. Assim como quando você ganha tem alguns merecimentos e coisas que fez bem, na hora da derrota obviamente a comissão técnica tem responsabilidade, muita, mas é compartilhada. Temos de assumir”, disse Aguirre, durante a entrevista coletiva.

O Santos não tem muito tempo para se lamentar. Na próxima segunda-feira (18), o alvinegro vai até a Fonte Nova para encarar o Bahia, em mais um confronto direto na luta contra o rebaixamento. Para o duelo, a equipe não poderá contar com Rodrigo Fernández, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Por outro lado, Soteldo ficará à disposição do comandante alvinegro.

Próximos jogos do Santos

Seg, 18/9 – Bahia x Santos – Arena Fonte Nova

Sáb, 30/9 – Santos x Vasco da Gama – Vila Belmiro

Sáb, 07/10 – PalmeirasSantos – Allianz Parque

Qua, 18/10 – Santos x Red Bull Bragantino – Vila Belmiro

Dom, 22/10 – Internacional x Santos – Beira Rio